domingo, 5 de Outubro de 2014

Uefa inclui David Luiz e Marquinhos em seleção de melhores da semana

 Uefa divulgou nesta sexta-feira a seleção dos melhores jogadores da rodada desta semana da Champions League. Entre os escolhidos, estão os brasileiros David Luiz e Marquinhos, que formaram a dupla de zagueiros do Paris Saint-Germain.
A dupla teve papel fundamental na vitória do PSG sobre o Barcelona por 3 a 2 na última terça-feira. David Luiz marcou um dos gols do time francês e Marquinhos protagonizou um lance chave da partida ao bloquear uma finalização dos espanhóis na pequena área, impedindo que o adversário chegasse ao empate.
No ataque, a entidade escolheu Francesco Totti, que marcou no empate da Roma contra o Manchester City e, aos 38 anos, se tornou o jogador mais velho a balançar as redes na competição, o colombiano Jackson Martínez, autor de dois gols no empate do Porto com o Shakhtar, e Danny Welbeck, que fez três na goleada do Arsenal sobre o Galatasaray.
Outro destaque foi o goleiro Rui Patrício, do Sporting, que fez inúmeras defesas, mas não conseguiu impedir a derrota de seu time para o Chelsea por 1 a 0.

A votação, feita pelos repórteres da entidade, elegeu Rui Patrício (Sporting); Juanfran (Atlético de Madri), David Luiz (PSG), Marquinhos (PSG) e Suchy (Basel); Heung-Min Son (Bayer Leverkusen), Kagawa (Dortmund) e Karnitski (BATE Borisov); Totti (Roma), Jackson Martínez (Porto) e Welbeck (Arsenal).

in ESPN

sábado, 4 de Outubro de 2014

Ibra recebe felicitações dos brasileiros David Luiz e Thiago Silva



Ainda sem poder entrar em campo devido uma lesão que o deixou de fora do clássico contra o Barcelona, Zlatan Ibrahimovic completa 33 anos nesta sexta-feira (03 de outubro) e recebeu felicitações dos colegas de PSG.
O brasileiro recém-chegado ao PSG David Luiz foi um dos primeiros a publicar uma homenagem para o atacante sueco. Mostrando intimidade com o jogador, o zagueiro escreveu na legenda de uma foto em que aparece fazendo careta ao lado de Ibra: “Feliz aniversário, grande homem! Deus abençoe você! #felizaniversário”.
Thiago Silva, compatriota de David Luiz e colega de equipe do atacante, não ficou para trás e também publicou uma homenagem para o aniversariante. “Feliz aniversário meu amigo, tudo de melhor pra você ! Orgulho de ser seu brother ...”, escreveu o zagueiro junto a uma imagem repleta de montagens dos dois jogadores em campo. 

in Fox Sports

Neymar brinca com David Luiz com tapa na cara e ordem de "cala a boca"

Companheiros de seleção brasileira, Neymar e David Luiz se enfrentaram na última terça-feira, pela segunda rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões e trocaram algumas brincadeiras mesmo no calor do jogo entre Paris Saint-Germain e Barcelona. Após uma discussão entre jogadores das duas equipes, com um sorriso no rosto o atacante do Barça mandou o zagueiro do time parisiense calar a boca e acertou um tapa na cara do defensor, que levou na esportiva.
David Luiz devolveu a provocação de Neymar com uma grande atuação, fazendo um dos gols e sendo o destaque do PSG na vitória por 3 a 2 sobre os catalães. O camisa 11 dos culés também balançou a rede, comprovando o ótimo começo de temporada que vem tendo. Enquanto brincava com o defensor, o atacante também teve tempo de reclamar com Busquets.
O Paris Saint-Germain lidera o Grupo F com quatro pontos, um a mais que o Barcelona. Na próxima rodada, que será realizada no dia 21 deste mês, o time francês visitará o Apoel, e a equipe catalã receberá o Ajax. A revanche entre Neymar e David Luiz acontecerá apenas na rodada final, em dezembro.

in Globo Esporte

Experiente e líder em campo, David Luiz é eleito o melhor diante do Barça


Não é tudo, mas a experiência conta muito. E tudo o que David Luiz aprendeu na Liga dos Campeões veio à tona na hora que o Paris Saint-Germain passava por grande sufoco para travar as investidas do Barcelona no duelo da última terça-feira. Na última meia hora do jogo no Parque dos Príncipes, o PSG já vencia por 3 a 2, mas Neymar e Messi, endiabrados, fizeram de tudo para buscar pelo menos o empate. Luis Enrique ainda lançou mais dois jogadores ofensivos: Munir e Sandro, mas o placar não se alterou. Boa parte graças à boa atuação do defensor brasileiro, que não hesitou em orientar os companheiros diante de um dos times mais temidos do mundo.
David Luiz chegou a Paris há menos de dois meses, mas já impôs o seu caráter e carisma no vestiário o PSG. Em campo, todos o escutam, começando pelo treinador Laurent Blanc, a quem o brasileiro se dirigiu duas vezes durante o jogo para explicar situações táticas. Normalmente é o treinador quem chama o jogador, mas neste caso foi o zagueiro que se dirigiu até ao banco.
Um pouco antes do intervalo, com o jogo ainda empatado, David aproveitou uma parada para dar indicações a Pastore e Cavani, que ouviram atentamente a explicação. Pelos gestos que fazia com as mãos, o camisa 32 parecia estar pedindo algum apoio do centroavante na defesa, para tentar impedir que Messi e Iniesta subissem com a bola tão rapidamente. Cavani respondeu de forma positiva com a cabeça e colocou em prática as ordem que recebeu. No segundo tempo, o uruguaio participou mais na defesa e, em duas ocasiões, cortou bolas perigosas perto do seu próprio gol, recebendo em troca uma ovação do público do Parque dos Príncipes.
- Cada um tem a sua forma de liderar dentro da equipe, seja ela dentro ou fora do campo. Eu tento sempre passar confiança e alertar os companheiros para aquilo que a gente preparou durante a semana. São traços da minha personalidade - admitiu o zagueiro, campeão da Champions em 2012 com o Chelsea.

Amizade com rivalidade
Companheiro de David na seleção brasileira, Neymar viveu pela primeira vez a experiência de ter o zagueiro como adversário. E o craque do Barcelona ficou até surpreendido em alguns momentos com as táticas usadas pelo amigo para travar a sua parceria com Messi. Durante uma cobrança de falta do argentino, ainda no primeiro tempo, o ex-Chelsea tratou de organizar toda a barreira, pediu ao goleiro Sirigu que a aprovasse e se colocou um pouco ao lado, na marcação de Neymar e Pedro. Antes da cobrança, o brasileiro deu um valente empurrão em Neymar com o braço direito e em Pedrito com o braço esquerdo. Os dois nem ligaram, mas, depois, o atacante brasileiro apontou para o amigo e fez um comentário sobre o lance.
Já na etapa final do jogo, com os ânimos quentes, Jordi Alba e David se envolveram num bate-boca em um lance em que o lateral do Barça sofreu falta. O camisa 32 defendeu seus companheiros do PSG, e Neymar apareceu para os afastar, pedindo ao amigo que deixasse ficar por isso mesmo. Os dois, animados, trocaram algumas palavras entre sorrisos e gestos de afeto.

"Catimba" para segurar resultado
O jogo ainda não tinha terminado, e Marquinhos, que teve uma boa atuação, foi um dos principais alvos de David Luiz na hora de dar indicações. O jovem zagueiro levou até um "tapa" no pescoço do companheiro como um gesto simbólico de motivação antes de uma cobrança de falta. Marquinhos recebia orientações sobre a quem passar a bola, quando e onde recuar para duplicar a marcação e normalmente obedecia, embora o já estivesse muito solto em campo.
Nos minutos finais, já depois de Marquinhos e Van der Wiel terem cortado bolas muito perigosas em cima do gol de Sirigu, David Luiz pediu aos companheiros que se empenhassem na “arte” de perder tempo, a famosa "catimba". Como o PSG apostou no contra-ataque durante a partida, o time não estava conseguindo segurar a bola no meio do campo, e, com a sua experiência, o zagueiro pediu aos colegas que adotassem esta postura para evitar o gol do empate. Sempre que o goleiro do PSG tinha a bola, lá ia David pedir que esperasse um pouco para repor. Só quando o camisa 32 avançava no gramado é que Sirigu lançava.
Depois, ao ver Lucas deitado no chão por câimbras, David Luiz entendeu que seria uma ocasião para não desperdiçar. O zagueiro pediu calma ao meia-atacante, e os dois conversaram alguns segundos no gramado, até que o árbitro Gianluca Rizzoli, pressionado pelos jogadores do Barça, exigiu a entrada imediata dos médicos do PSG, que aguardavam uma definição enquanto o relógio corria.
Já não faltava muito tempo, para que o árbitro italiano terminasse com a tortura de travar a dupla Neymessi durante os 90 minutos. A vitória era do PSG, e David Luiz, com um gol, nenhuma falta cometida e 28 de 30 passes acertados, foi eleito pela Uefa o melhor em campo. A dupla formada por Neymar e Messi, responsável pelos dois gols do Barça, teve boa atuação, mas não o suficiente para dar a vitória aos catalães. 

- São dois grandes jogadores. Não tenho nada a dizer, eles sempre vêm para fazer gols e dar o melhor pelo Barcelona, mas acho que toda a equipe esteve bem, não foi só a defesa. Fico feliz porque todos os jogadores conseguiram fazer o que estava planejado dentro do campo - comentou o brasileiro.
Atuação rende elogio de presidente

Num momento em que vinha sendo muito criticado pela imprensa francesa, um gol e uma atuação positiva contra o Barcelona deixaram David Luiz aliviado. E renderam um elogio do presidente do clube, Nasser Al-Khelaïfi, que desembolsou € 50 milhões pelo brasileiro e disse, após o jogo, que ele valia mais do que isso.

- Fico feliz com esse comentário, porque o importante na vida são os princípios, e não o dinheiro. Acho que todo o mundo vale mais do que € 50 milhões quando você tem educação, respeito, quando você é humano - apontou David.

O Paris Saint-Germain agora tentará aproveitar a boa vitória Champions para engrenar no Campeonato Francês, onde ocupa o modesto quarto lugar. O time volta ao campo no próximo domingo, quando enfrentará o Monaco.

Presidente do PSG elogia David Luiz: "Vale mais do que € 50 milhões"


Contratado por 50 milhões de Euros (cerca de R$ 150 milhões), David Luiz teve nesta terça-feira sua primeira grande atuação com a camisa do Paris Saint-Germain. Contestado desde a Copa do Mundo, quando foi apontado como um dos vilões pela goleada da Alemanha por 7 a 1 sobre a seleção brasileira, o defensor brilhou nesta terça-feira na vitória por 3 a 2 sobre o Barcelona, pela Liga dos Campeões. Após a partida, o zagueiro, que marcou o primeiro gol do jogo, recebeu elogios do presidente do clube francês, Nasser Al-Khelaïfi. 
- Para mim David Luiz é um dos melhores zagueiros do mundo. € 50 milhões é um valor  muito alto, mas ele vale mais do que isso – disse o dirigente, ainda no Estádio Parque dos Príncipes.
Contratado antes do Mundial, David Luiz tornou-se o zagueiro mais caro da história. Nesta terça-feira, inclusive, o diário francês "L'Equipe" revelou um diálogo entre Nasser Al-Khelaïfi, o técnico do PSG, Laurent Blanc, e o treinador da seleção inglesa, Roy Hodgson, durante a Copa do Mundo, no Brasil. Na ocasião, o inglês contestou o valor desembolsado pelo brasileiro, classificando a negociação como uma loucura.

in Globo Esporte

David Luiz comemora primeiro gol pelo PSG: “Foi especial e entrou para minha história”

Sofrendo críticas junto com o PSG pelo mau início de temporada, o zagueiro brasileiro David Luiz mostrou nesta terça-feira (30), na vitória do PSG contra o Barcelona por 3 a 2, que o investimento do clube em seu passe não foi em vão. Além da segurança exibida na defesa, David Luiz abriu o caminho da goleada com um lance de raro oportunismo de um zagueiro no ataque. Seu primeiro gol com a camiseta do PSG entrou para sua história em um jogo antológico.
Os mais de 48 mil torcedores que lotaram o estádio Parque dos Príncipes, nos arredores de Paris, ovacionaram por vários minutos, em pé, a saída dos jogadores do gramado. Contrariando as previsões, o time parisiense saiu vencedor de uma batalha intensa e cheia de emoções contra um dos melhores times do mundo, estrelado por Messi e Neymar.

A dupla marcou os dois gols do time catalão, mas saiu de campo ofuscada pelo brilho da vitória parisiense. Depois de um início de temporada marcado por vários empates e pouca eficiência no ataque, o PSG conseguiu mostrar todo seu potencial.

“Essa vitória veio em um grande momento. Nós ‘trocamos o chip’ e fizemos uma grande partida. Esse é o verdadeiro espírito do PSG, um time de muita garra e de muito coração”, afirmou David Luiz em entrevista à Rádio França Internacional na saída do estádio.

Distribuindo muitos sorrisos e autógrafos, David Luiz comemorou particularmente seu primeiro gol com a camisa do time que pagou € 49,5 milhões pelo seu passe. “Foi especial por ter feito o primeiro gol pelo Paris. Poder ajudar minha equipe é sempre bom. Mas o que me deixa mais feliz é a vitória e, principalmente, a atitude que todos os jogadores tiveram dentro de campo”, afirmou.

David Luiz tem outro motivo para catalogar seu gol como um dos mais importantes de sua carreira. “Meu primeiro jogo como profissional na Europa foi aqui em Paris. Por isso, esse gol também ficará marcado na minha história”, explicou ao se referir ao jogo do Benfica contra o PSG pela Copa da Uefa, em 2007.

Elogios para torcedores e técnico

David Luiz foi eleito pela imprensa esportiva francesa como um dos melhores em campo e um dos maiores responsáveis pela vitória. A disposição e garra que demonstrou tanto na defesa quanto nas investidas ao ataque, foram elogiadas. 

O zagueiro também reconheceu a tática bem sucedida armada pelo treinador Laurent Blanc. A marcação forte no meio de campo e a colaboração dos atacantes no sistema defensivo contribuíram para anular muitas das jogadas rápidas do adversário.

“O treinador fez um grande plano e a gente conseguiu cumprir como desejado. Conseguimos fazer um grande jogo em uma grande atmosfera dentro do estádio. Os fãs gritaram o tempo todo, vibrando e cantando do primeiro ao último segundo. Essa vitória também é para eles”, observou.

Outros brasileiros do PSG também saíram satisfeitos com a grande atuação do time contra o Barcelona, um teste considerado crucial para avaliar o verdadeiro potencial de uma equipe que começou a temporada vacilando e sem muita eficiência ofensiva. Mesmo sem Ibrahimovic, afastado por lesão, e com mais uma fraca atuação do uruguaio Cavani no ataque, o time parisiense mostrou que tem opções ofensivas para enfrentar os grandes clubes europeus.

“É uma vitória que dá confiança, alegria. Espero que possa contagiar e que possa continuar assim também em outras competições. A gente demonstrou a maneira que temos que jogar no campeonato: com qualidade, agressividade e intensidade”, afirmou o lateral esquerdo Maxwell. “Não é somente por se tratar do Barcelona. Temos que fazer mais na Liga dos Campeões, mas também no campeonato francês”.

O zagueiro Marquinhos, elogiado pela boa partida e por ter evitado o que seria o gol de empate do Barcelona em um lance de Jordi Alba no final do jogo, também destaca o nível apresentado pelo Paris Saint-Germain, apesar dos questionamentos sobre a verdadeira qualidade da equipe.

“Essa vitória mostra o talento do time, mostra a grande capacidade que temos. E, se continuarmos assim, vamos colher bons frutos”, disse. “Saio muito feliz por ter feito um grande jogo, mas fico mais satisfeito pelo aspecto coletivo”, acrescentou.

Marquinhos:  futuro melhor zagueiro do mundo?

A partida do PSG contra o Barcelona de Messi e Neymar também foi um teste para avaliar o entrosamento entre David Luiz e Marquinhos, que tem atuado como titular no lugar de Thiago Silva, contundido desde o final de agosto.

Apesar da falha de marcação durante a jogada que resultou no primeiro gol do Barcelona, em uma ação entre Neymar, Iniesta e Messi, que completou livre dentro da área, a dupla desempenhou bem a tarefa.

“A integração está muito boa. O Marquinhos é uma grande pessoa e um grande amigo. É um menino muito humilde e que gosta de escutar, aprender e crescer a cada dia”, avaliou David Luiz. “Ele tem muita qualidade e já falei que ele será o melhor zagueiro do mundo dentro de alguns anos porque ele tem uma qualidade fora do normal. Ele tem os pés no chão e não se deslumbra com nada, e sabe que todo dia pode aprender algo novo”, afirma.

O jovem de 20 anos, convocado pela segunda vez por Dunga no lugar de Thiago Silva para a seleção brasileira, confirma ter os pés no chão e demonstra maturidade.

“Estou aqui para substituí-lo e quero fazer da melhor forma. E quero, acima de tudo, aproveitar todas as oportunidades”, garante. Sobre David Luiz, resume facilmente a relação de confiança que se estabeleceu naturalmente. “Ele vem conversando muito comigo e me sinto muito à vontade para trabalhar ao lado dele”, diz.

in RFI Português

quinta-feira, 2 de Outubro de 2014

Entrevista de David Luiz para o jornal Le Parisien


David Luiz: “Eu sempre quis tocar o coração das pessoas”

Conhecemos o David Luiz, zagueiro brasileiro, que chegou neste verão a Paris. Uma personagem cativante.


David Luiz: “Eu amo o contato humano. Todo mundo tem algo a ensinar.”

Sorrindo, com o seu cabelo preso por uma larga faixa na cabeça, seus olhos são identificam-no. Retornando de Caen esta noite, poucas horas de sono para David Luiz. Ele não hesitou em nos dar a entrevista com uma duração de trinta minutos.

Transferiu-se este verão para Paris, por € 50 milhões, brasileiro de 27 anos não escapa do assunto. Em sua língua nativa, português, ele olha para trás em que a sua Copa do Mundo falhou. O trauma ainda é palpável. Para virar a página, ele mostra altas ambições junto ao PSG, convencido de que podem ganhar a Liga dos Campeões nesta temporada. Especialmente aquele que gostaria de se tornar um professor de matemática, se não tivesse “vingado” no futebol não hesita em revelar sua história.

E por trás do zagueiro, ele é um homem com um grande coração que será descoberto.


> PSG e a Liga dos Campeões 

PSG enfrenta problemas nesta temporada. Você acha realmente serem capazes de vencerem o Barcelona?
David Luiz: Esta é uma das razões que me levaram a assinar ( o contrato ) com o Paris. O clube quer vencer todas as competições que concorre, a cada jogo. Incluindo esta ( Champions League ). Ainda precisamos melhorar o nosso desempenho e progredir. Mas ainda estamos invictos e temos uma mentalidade brilhante e grandes jogadores. Vai ser um jogo diferente, um grande duelo que cada um de nós vai querer jogar.

Você vai desafiar Neymar que você conhece bem, e Messi. Como vai se defender contra dois dos melhores jogadores do mundo?
David Luiz: É um enorme prazer enfrentar essas grandes estrelas, e proporcionar esses jogos. E para nós jogadores é também um prazer viver esses momentos. Mas não é apenas Messi e Neymar, os outros podem fazer a diferença a qualquer momento. Nós teremos que ter um plano de jogo inteligente e manter um alto nível.

Você já ganhou a Liga dos Campeões com o Chelsea. O PSG faz o perfil de vencedor?
David Luiz: Hoje, o PSG chegou a um nível tal que se tornou um dos times que podem competir para conquistar o título. Se você sonha é porque sabemos que podemos pode realizá-lo mas existem alguns fatores que podem afetar a nossa jornada. Não blindar os passos e já pensar além da fase de grupos pode afetar.

Nos últimos anos, Barcelona queria ter você em sua equipe. Por que você escolheu Paris?
David Luiz: O PSG é a equipe que demonstrou maior interesse. E além disso é o clube do futuro, o projeto é ambicioso. O Thiago Silva e outros amigos brasileiros também me falaram sobre o bom ambiente. Em meu coração eu imediatamente senti que era este o lugar onde eu precisava estar.

Você custou € 50 milhões. Como você se sente em relação a esse montante?
David Luiz: As pessoas que me conhecem sabem que eu não gosto de falar sobre isso. Mas eu estou ciente do quanto eu custei. Eu tenho que responder a isso em campo, com um desempenho satisfatório. Hoje, fisicamente eu estou apenas com 60-70% da minha capacidade. Ainda estou me curando da dor no joelho, tenho e estou me tratando fazendo fisioterapia para estar em um nível mais elevado.

Você é muito religioso. Mas então em relação a essa quantidade ( valor de 50 milhões recebidos da transferência ), ainda é possível acreditar que todos os homens são iguais?
David Luiz: Eu não tenho poder sobre o mercado de transferências, o futebol é assim … Mas eu tenho certeza que podemos melhorar muito a nossa atitude. Eu cresci em uma família em que, mesmo quando não havia quase nada nós compartilhávamos. Não é só o dinheiro que ajuda as pessoas, mas também é dizer Olá, é “dar” uma mão, é dar uma palavra de conforto, se preocupar com o outro. Nós podemos fazer a diferença na vida das pessoas, se elas se mostrarem disponíveis.

> Sua vida em Paris, suas paixões

O que você fez ou visitou em Paris desde a sua chegada?
David Luiz: Eu já conhecia a cidade muito bem. Quando cheguei à Europa, Benfica (2007), rapidamente vim a Paris. Eu não sei por que, mas todos os brasileiros sonham. Quando falamos ( de Paris ), é “Uau”, Paris é grande. “Eu já tinha visto a Disney, a Torre Eiffel, o Louvre. Desde que cheguei, estou mais focado no meu trabalho e em busca da minha casa. Eu ainda não encontrei. Estou no hotel. Esta tarde (quinta-feira, 25.09.24), eu tenho três casas para visitar.

Você prefere viver em Paris ou perto de Camp des Loges?
David Luiz: Eu visito tudo. O importante é a atmosfera que a casa emite. Quando eu visito um lugar, eu imediatamente digo, “ ah, vai ser aqui eu vou passar um tempo maravilhoso “. É por isso que eu deixei um tempo para encontrar.

Você está solteiro?
 David Luiz: Não, eu tenho uma namorada. De fato, fico muito tempo sem vê-la. Ela é portuguesa. Mas estamos felizes.

Quais são suas paixões?
David Luiz: Minha família, meus amigos (ele pensa) … as pessoas em geral. Eu amo o contato humano. Todo mundo tem algo a ensinar-lhe. Caso contrário, eu adoro ficar sozinho em casa. Eu gosto de outros esportes também, como basquete, tênis, judô ou surf. Eu depois eu amo comer. Descobri culinária francesa, e devo dizer que é um deleite!

Parece que você tem uma verdadeira coleção de pipas…
David Luiz: Ah sim, eu amo … Quando meus amigos me chamavam para jogar futebol, eu dizia, “Não, não, vamos soltar pipa. “

Em Londres, você tinha convertido uma sala inteira com jogos de arcade. Você pretende fazer o mesmo em sua futura casa?
David Luiz: Ah a minha sala de jogos, no primeiro mês eu já estava jogando. Mas eventualmente e principalmente é um lugar para manter os filhos dos meus amigos. Pelo menos desta forma, os pais não tem que ficar se perguntando se os filhos ficarão entediados. E eu vou tentar fazer aqui de novo.


> O Mundial

Vamos falar agora da Copa do Mundo, um momento difícil para você … ( ele nos corta ..)
David Luiz:  É passado, ficou no passado para nós. Todos nós pensamos muito sobre isso. Era o nosso sonho ganhar a Copa do Mundo. Mas este sonho de ser campeão do mundo não está terminado, foi adiada. Espero ser campeão dentro de quatro anos. Vou trabalhar muito nesse sentido.

Na semi-final contra a Alemanha (7-1), que passou em sua cabeça quando você viu tudo aquilo?
David Luiz: (Suspiros) Era o apagão (buraco negro) no total. Até hoje, ninguém pode explicar o que aconteceu. Em dez minutos, leva quatro gols e vemos o nosso sonho  voar. Às vezes, em jogos em que perdemos por 1-0, sofremos muito mais. Aqui, nós nem sequer tivemos tempo para sofrer. Isso foi um “boom”, e foi isso. Foi uma lição, o aprendizado. Foi um dia triste para todos os brasileiros e para todo o futebol. Ninguém esperava isso. Mas o que não nos mata torna-nos mais fortes.

Como você se sentiu sobre as horas e os dias que se seguiram?
David Luiz: Eu estive pensativo. Tentei entender como, por que. Eu não estava feliz, é claro. Ainda tivemos um jogo para jogar. Nós tentamos colocar toda a nossa energia para este jogo, mas não foi o suficiente, infelizmente. Foi uma lição de vida para todos nós para aprender a crescer e amadurecer. Depois disso, eu fui passar férias com a minha família. Fazia quatro anos que eu não era capaz de passar vários dias com eles. Tentei esquecer um pouco, embora isso realmente não acontecesse. Mas eu não queria tentar me isolar. Eu nunca fugi do contato com os brasileiros.

Você teve medo da reação deles?
David Luiz: Você tem que ser humilde em todos os momentos, nos bons e nos ruins. É muito fácil querer se mostrar quando tudo está bem, quando tudo é bom e então ser tratado como celebridade. Mas também é importante assumir, estar disponível quando algo dá errado. Eu escolhi ser um jogador de futebol, ser uma pessoa que um dia poderia se tornar um exemplo para todos. Eu sempre fui uma pessoa aberta. E continuei a ser depois disso( acontecimento 7-1 da copa ). Eu sabia que podia ouvir críticas, mas alguns também me apoiaram. Eu respeitava as opiniões das pessoas.


> Sua personalidade

Gosta de rir, brincar, se divertir. De onde vem esta alegria de viver?
David Luiz: Isso já é uma forma de agradecer a Deus pela vida que tenho. Há muitas pessoas que estão passando por momentos difíceis. Eu tenho a minha saúde, uma família, uma profissão que eu amo e eu trabalho em um dos melhores clubes do mundo. Como eu poderia reclamar? Eu tenho tudo para ser feliz! Eu também era assim desde que eu era pequeno. Eu sempre fiz piadas, mesmo na escola, quando eu era o filho de dois professores. É também uma maneira de fazer contato com facilidade, colocar as pessoas à vontade assim elas não tem medo de falar comigo.

Você cresceu em uma das cidades mais perigosas do Brasil, Diadema. Como você conseguiu não se perder?
David Luiz: Eu poderia ter feito as escolhas erradas, drogas ou qualquer outra coisa. Mas a educação que recebi foi de suma importância. Meus pais sempre me ensinaram o bom e o mau caminho, deixando-me a opção de escolher. E aos 14 anos, eu tive um clique. Eu cometi erros, uma conduta que tinha feito minha mãe chorar. Naquela noite, com o meu pai, eu tive uma discussão que foi um ponto de virada. Ele me perguntou se eu queria continuar fazendo isso, ou se era melhor tentar fazer alguma coisa para ajudar a minha família e outros. Eu disse que ele estava certo, eu tive a oportunidade de trazer algo para as pessoas. Eu nasci para mudar a vida de minha família e a de muitas pessoas.

Você se tornou muito popular no Brasil…
David Luiz: Eu só mostro o que eu sou, faço de coração.  Nada é calculado. Não é um personagem, eu sou assim disponível. Eu sempre quis tocar o coração das pessoas.

Você cortará o cabelo um dia?
David Luiz: Eu vou ter, quando eu começar a ficar careca. Imagine que eu já estou perdendo! Meu cabelo tornou-se a minha marca. Mas esse não era o objetivo. Quando cheguei ao Benfica, eu estava com frio. Então eu deixei-os crescer e eu gostei.

Nas fotos, vemos que muitas vezes você faz caretas, mostra a língua. Por quê?
David Luiz: As pessoas adoram, especialmente crianças. Isto lhes permite ter vídeos legais ou fotos. E o meu cabelo é outra maneira de me distinguir. Quando você vê um cara mostrar a língua muitas vezes, já sabe é o David Luiz.

in Le Parisien / Tradução: 23DavidLuiz

segunda-feira, 29 de Setembro de 2014

David Luiz diz que tem cabelo grande por causa do frio europeu

A marca registrada de David Luiz, seu cabelo grande e encaracolado, tem uma razão de ser. E bem prosaica, segundo o zagueiro do Paris Saint-Germain. Em entrevista ao jornal francês "Le Parisien", o jogador disse que deixou seu visual desse jeito por causa do frio que sentiu quando se transferiu do Vitória para o Benfica, em janeiro de 2007, justamente no auge do inverno do hemisfério norte.

- Agora é a minha marca. Quando ficar careca, corto, e já está começando a cair... Deixar crescer o cabelo nunca foi um objetivo, mas, quando assinei pelo Benfica, fazia frio. Então, deixei crescer e agora me sinto bem com este estilo - disse ao jornal "Le Parisien".


David Luiz entra em campo nesta terça-feira, pela segunda rodada da Liga dos Campeões. No Parque dos Príncipes, a partir de 15h45 (de Brasília), enfrenta o Barcelona, pelo Grupo F. O GloboEsporte.com transmite em Tempo Real. 

in Globo Esporte

DAVID LUIZ E THIAGO SILVA NA SELEÇÃO DA COPA DO MUNDO


Os dois defensores brasileiros do Paris Saint-Germain, David Luiz e Thiago Silva, foram eleitos pelos internautas do fifa.com para a seleção da Copa do Mundo 2014.
A seleção da Copa do Mundo FIFA 2014:
Neuer - David Luiz, Thiago Silva, Hummels, Marcelo - Di Maria, James, Kroos - Messi, Müller, Neymar Jr. Treinador: Joachim Löw.

in PSG

sexta-feira, 26 de Setembro de 2014

Fotos: Caen vs PSG


















in Tumblr

Gifs: Caen vs Paris- Inside


in Tumblr

Paris Saint-Germain vence e "cola-se" ao 2.º lugar

Triunfo no reduto do Caen, por 2-0, permite ao PSG continuar a três pontos do Marselha, líder isolado da Liga francesa.
O Paris Saint-Germain manteve nesta quarta-feira a distância para o líder da Liga francesa, o Marselha, ao vencer em casa do Caen por 2-0, a sua primeira vitória fora no presente campeonato.
Os parisienses asseguraram uma importante vitória em Caen, materializada com golos de Lucas Moura (18 minutos) e Marquinhos (56'), a contar para a 7-ª jornada.
O PSG iguala, à condição, Bordéus e Saint-Étienne no 2.º lugar, todos com 13 pontos, mas estes dois emblemas irão defrontar-se na quinta-feira.

in Diário de Notícias

David Luiz tira onda com companheiro de PSG: "Vamos seguir meu amigo feio"




David Luiz até resolveu dar uma forcinha ao companheiro de PSG Jean-Christophe Bahebeck, jogador francês. No entanto, o zagueiro não perdeu a chance de tirar uma onda com o companheiro no Intagram.
Na última sexta-feira (19), David compartilhou uma foto junto ao amigo e pediu aos fãs que seguissem ele também na rede social. O que Behebeck não esperava era ser chamado de feio pelo brasileiro.
Na imagem postada, os dois aparecem juntos e David aponta para Behebk. A legenda faz o pedido, mas zoa o amigo.
— Let's follow my ugly friend @bhk1109 !  #PSG (Vamos seguir meu amigo feio @bhk1109 # PSG).

in R7

sábado, 20 de Setembro de 2014

Dunga convoca Seleção para Superclássico das Américas e jogo contra o Japão

O técnico Dunga anunciou nesta quarta-feira na sede da CBF a lista de jogadores convocados que participarão do Superclássico das Américas contra a Argentina, no dia 11 de outubro, em Pequim, na China, e do amistoso contra o Japão, dia 14, em Cingapura.

Veja a lista:

Goleiros

Jefferson
Rafael Cabral

Laterais

Danilo
Mário Fernandes
Dodô
Filipe Luis 

Zagueiros

David Luiz
Gil
Marquinhos
Miranda

Meias

Luiz Gustavo
Elias
Fernandinho
Ramires
Éverton Ribeiro
Oscar
Philippe Coutinho
Willian

Atacantes

Robinho
Ricardo Goulart
Diego Tardelli
Neymar

Antes da divulgação da lista, o coordenador de Seleções Gilmar Rinaldi anunciou o nome de Evandro Mota como mobilizador de grupo da Seleção Brasileira.

Engenheiro graduado pela PUC-RJ, Evandro Mota participou da preparação da Seleção Brasileira na conquista do tetracampeonato de 1994 e da Copa do Mundo de 1998, em que o Brasil foi vice-campeão.

Como profissional na sua especialidade, ele conquistou títulos estaduais e brasileiros pelos mais diversos clubes do país. Na Seleção Brasileira, continuará exercendo o seu trabalho bem sucedido, como explica Gilmar Rinaldi. .

- O Evandro Mota não será na Seleção Brasileira um motivador, como equivocadamente o  estão classificando. Porque jogar na Seleção Brasileira já é uma motivação natural para qualquer jogador. Ele fará o melhor do seu trabalho, próprio de um profissional vitorioso, que é ser mobilizador de grupo.

in CBF

David Luiz convoca para Brasil x Japão

Fotos: Ajax 1 - 1 PSG















in Tumblr

David Luiz parabeniza Marcelo Moreno por artilharia do Brasileirão


O zagueiro David Luiz, do Paris Saint-Germain (FRA), usou o Twitter para parabenizar um velho amigo que hoje se destaca por ser o artilheiro isolado do Campeonato Brasileiro. O beque da seleção postou uma foto ao lado de Marcelo Moreno, quando a dupla vestia a camisa do Vitória. O avante boliviano soma 11 gols na atual edição do Brasileirão. 

“Fico muito feliz em ver meu amigo de longa data @MM9oficial sendo artilheiro isolado do Brasileirão, parabéns mano!”, escreveu David Luiz no microblog.

Moreno e David Luiz atuaram no vitória em meados dos anos 2000. Depois, o atacante partiu rumo ao Cruzeiro, enquanto o zagueiro se dirigiu ao Benfica (POR).

in O Tempo

terça-feira, 16 de Setembro de 2014

Novo equipamento do PSG


in Facebook David Luiz

David Luiz é liberado para a estreia do PSG na Champions; Thiago Silva desfalca


Recuperado de lesão, o zagueiro brasileiro David Luiz foi liberado para a estreia do Paris Saint-Germain na Uefa Champions League, nesta quarta-feira, contra o Ajax, na Holanda. Além dele, o lateral direito marfinense Serge Aurier também recebeu alta no departamento médico.
David Luiz havia machucado o joelho durante amistoso entre Brasil e Colômbia, no último dia 5, e foi inclusive poupado contra o Equador. No entanto, a lesão não foi grave, e ele se recuperou rapidamente, estando apto a entrar em campo na Liga dos Campeões.
Aurier, por sua vez, deu um susto e perdeu a consciência durante a derrota por 4 a 1 da Costa do Marfim para Camarões, pelas eliminatórias da Copa Africana de Nações, no último dia 10. Ele bateu a cabeça com um rival e precisou de atendimento, mas também está recuperado.
Os dois desfalcaram o PSG na partida do último sábado, um empate por 1 a 1 com o Rennes, pelo Campeonato Francês.
Apesar de estar recuperado, David Luiz não poderá fazer a dupla de zaga com Thiago Silva, já que o outro defensor titular da seleção brasileira ainda não está recuperado de uma lesão na coxa.
PSG e Ajax se enfrentam na quarta-feira, às 15h45 (horário de Brasília), na Amsterdam Arena. O confronto é válido pela primeira rodada do grupo F da Champions.

in ESPN

segunda-feira, 15 de Setembro de 2014

David Luiz não participa de treino e é dúvida para estreia na Champions

O zagueiro David Luiz deve desfalcar o Paris Saint-Germain na estreia na Liga dos Campeões na próxima quarta-feira, quando a equipe enfrenta o Ajax, na Amsterdã Arena. De acordo com o jornal "Le Parisien", da França, o jogador não se juntou aos companheiros nesta manhã no último treino no CT do clube antes da viagem para a Holanda.
O brasileiro se machucou durante o amistoso da seleção brasileira contra a Colômbia, no início do mês. Após o confronto, foi submetido a exames médicos que apontaram lesão na região da patela - osso da região frontal - do joelho esquerdo.
Ex-Chelsea, o brasileiro foi contratado pelo PSG depois da Copa do Mundo, por R$ 148 milhões aos cofres do clube parisiense, a transferência mais cara da história do futebol na posição. Durante a temporada, deve seguir fazendo dupla com Thiago Silva, assim como na Seleção. O companheiro, no entanto, também está machucado.
Na Liga dos Campeões, o PSG está no Grupo F, com Ajax, Barcelona e Apoel. Nas duas últimas edições, a equipe chegou às quartas de finais. A melhor campanha do time foi uma classificação às semifinais, em 1995.

in Globo Esporte